Fique mais tranquilo usando a Internet da sua casa

Hoje o roteador da sua casa é o principal meio de acesso a Internet sem ele você não poderia conectar todos os seus equipamentos Wi-Fi como smartphones, TVs e VideoGames tanto para seu lazer ou trabalho home office.

O Grande problema da alta utilização do Wi-Fi seria a segurança sendo que pessoas mal intencionadas podem “Sequestrar” seus dados apenas estando perto, já na conexão por cabo tem maior dificuldade para interceptar os dados pois é necessário a intervenção física.

Nos roteadores vendidos para uso residencial o painel de configuração pode ser acessado facilmente pelos endereços 192.168.1.1, 192.168.2.1 e 192.168.1.10 que vem na documentação bastando apenas digitar o endereço em qualquer navegador, essas configurações de fábrica devem ser trocadas por motivos de segurança pois justamente por serem padrão qualquer pessoa pode ter acesso ao seu roteador.

Mãos a obra pessoal!!!

1. Mude o nome de usuário e senha

Trocar o nome de usuário e senha padrão de fábrica é a primeira coisa a alterar pois o padrão adotada pelos fabricantes é usuário: “Admin” senha:”1111″ sendo as primeiras tentativas de invasão, troque para um usuário e senha de diferentes, escolha uma senha forte.

Atenção caso esqueça o usuário e senha será precisa voltar o roteador ao estado de fábrica, perdendo todas as configurações e tendo que configurar tudo novamente.

2. Altere o nome da sua rede

Outra coisa muito importante é o nome da rede Wi-Fi os roteadores saem de fábrica com o nome do modelo e a marca do roteador, assim que trocar o nome e senha você obrigatoriamente precisa conectar todos os equipamentos na Wi-Fi novamente.

3. Ative criptografia na rede

Agora vamos ativar a criptografia dos dados para nenhum engraçadinho tentar roubar seus dados, localize nas opções o tipo de criptografia AES e ative como WPA2-PSK ou WPA 2 Personal, para sua senha da Wi-Fi meu conselho é uma senha que tenha letras maiúsculas, minúsculas com números e símbolos, faça uma senha forte mas que você consiga lembrar.

4. Ligue os firewalls

Por padrão o Windows 10 já tem um firewall instalado e ativado para monitorar e controlar os acessos dos programas à rede do seu computador criando uma barreira de proteção o roteador é diferente pois como ele está conectado a Internet pode sofrer ataques, você deve ativar dentro da segurança ativando o SPI ou o NAT.

5. Desative as redes para convidados

Existe alguns modelos de roteadores que possuem uma rede Wi-Fi paralela para acesso de visitantes, essa rede Wi-Fi visitantes não tem senha e fica desprotegida de qualquer segurança que você tenha aplicado no seu roteador, então a melhor coisa é desativar a rede Wi-Fi e fornecer a senha da sua rede particular.

6. Atualize o firmware do seu roteador

Os roteadores por medida de segurança também precisam ser atualizados regularmente, é preciso verificar com o fabricante as atualizações de segurança, as opções de atualização podem ser localizadas em “sistema” ou “segurança” na opção “firmware”, o processo é simples e não leva muito tempo sendo apenas necessário o download, instalação e uma reinicialização do roteador.

7. Desligue o WPS

É um recurso muito interessante e ao mesmo tempo arriscado pois você não precisa digitar a senha para conectar os equipamentos,basta apertar o botão WPS e pronto o aparelho está conectado, a recomendação é que desative essa opção por questões de segurança.

Bônus: use uma VPN

A conexão VPN nada mais é que uma “rede virtual privada” entre dois pontos criando um “túnel” que não ser detectado, deixando a conexão segura entre os pontos para, esse conceito é muito utilizado em empresas que visam a segurança da informação para colaboradores que trabalham em Home Office.

 

Fonte: Olhardigital

 

Sobre a Webglobe
A Webglobe realiza a gestão da infraestrutura de tecnologia de empresas, alinhando a tecnologia com os negócios dos nossos clientes para gerar melhores resultados.

Nosso fluxo de trabalho é baseado em processos e nossa gestão é apoiada nas boas práticas de ITIL e COBIT, permitindo entregar serviços gerenciados de tecnologia com qualidade, segurança e previsão de investimentos.

Visite: webglobe.com.br