Quais as mudanças para o novo padrão USB 3.2

No começo dos anos 1990 o padrão USB (Universal Serial Bus) foi criado para comunicar perfeitamente dispositivos USB entre si, mas naquela época para instalar e configurar qualquer dispostivo USB era muito complicado e levava muito tempo.

Para atender todas as tecnologias de padrão USB como protocolos para transferência de dados e o conectores que podem ser usados nas pontas dos cabos, cabos USB-C estão tecnicamente separado dos padrões USB para transferência de dados, já a porta USB-IF foi anunciada junto com a padrão USB 3.1 que funciona junto com cabos e dispositivos USB 2.0, essa responsabilidade é definida pela empresa USB Implementers Forum (USB-IF).

No ano de 1994 grandes empresas como Compaq, DEC, IBM, Intel, Microsoft, NEC, e Nortel começaram a utilizar e dois anos depois mas especificamente em 1996  a USB 1.0 chegou a velocidade incrível de 1.5 Mbit/s, em abril de 2000 a velocidade foi aumentada para 480Mbit/s com a USB 2.0 muito bom para disco rígido externo, em novembro de 2008 a USB 3.0 a velocidade de transferência teve um aumento de taxa para 5 Gbps mas com um problema de incompatibilidade com aparelhos USB 2.0, hoje com a USB 3.1 já pode carregar até laptops atuais com transferência de dados que podem chegar a 10 Gbps mas isso ainda não está funcionando em todos os periféricos.

A ultima novidade é o padrão USB 3.2 que é um degrau acima do padrão USB 3.1, foi anunciado a pouco tempo pela USB-IF com uma taxa de transferência que pode ser chegar a 20 Gbps com uma principal característica que é chamada operação em multiplas faixas (multi-lane) utilizando as duas faixas de 5 Gbps e 10 Gbps juntas em paralelo com fio extra dento dos cabos USB.

O novo padrão USB 3.2 deve ser finalizado em setembro e na maioria das vezes não será necessário comprar um novo cabo, caso seu laptop for compatível com os conectores USB-C mas ainda depende de fatores como tendencia de mercado, programação de fabricação e margens de lucro, nos proximos anos o USB-C e o USB 3.1 irão se tornar padrão em aparelhos eletronicos, o padrão USB-C está sendo projetado para o futuro onde irá funcionar em tudo, desde celulares a computadores.

Fiquem preparados para o novo padrão USB comprando aparelhos que tenham uma conbinação de USB 3.1 e conector USB-C, alguns equipamentos mais antigo não terão uma alta taxa de transferencia mas já estarão preparados para a proxima evolução USB 3.2 quem tem a tecnologia de múltiplas faixas dobrando a velocidade de transferencia, os novos padrões são geralmente retrocompativeis, basicamente os novos cabos funcionarão com computadores e celulares antigos, apenas com um pouco de performance a menos.

 

Fonte: GizmodoWikipedia

 

Sobre a Webglobe
A Webglobe realiza a gestão da infraestrutura de tecnologia de empresas, alinhando a tecnologia com os negócios dos nossos clientes para gerar melhores resultados.

Nosso fluxo de trabalho é baseado em processos e nossa gestão é apoiada nas boas práticas de ITIL e COBIT, permitindo entregar serviços gerenciados de tecnologia com qualidade, segurança e previsão de investimentos.

Visite: webglobe.com.br